O Centro Universitário “Eurípides Soares da Rocha” – Univem inaugurou ontem o Centro de Pesquisa e Tecnologia Computing and Information Systems Research Lab (Compsi). Resultado de um esforço conjunto entre professores, alunos e instituição, o Compsi faz da extensão à comunidade e a pesquisa científica uma realidade.
Idealizado há três meses pelo coordenador dos Cursos de Ciências da Computação e Sistema de Informação, Elvis Fusco, o Centro de Pesquisa
já conta com 30 projetos em andamento e com quatro artigos aprovados em eventos das áreas dos cursos, o que comprova a vocação para a pesquisa e para a produção científica.
De início o Compsi irá trabalhar com parceiros como Sebrae, Jucesp, Acim e Secretaria Municipal da Indústria e Comércio. Num segundo momento, estará fortalecendo novas parcerias com empresas privadas, com ou sem fins lucrativos, órgãos públicos e com laboratórios de pesquisa do Brasil. “Com o Compsi poderemos oferecer um serviço de fomento e apoio às empresas. Muitas empresas têm a demanda, mas não têm profissionais qualificados”, comentou Elvis Fusco.
De acordo com ele, há um conjunto de informações que são cruciais para orientar a abertura de novos negócios e segmentos do mercado e estas nem sempre estão concentradas em um mesmo local.
O Centro de Pesquisa está calcado em três pilares: Pesquisa, Prática profissional e Educação à Distância. No entanto, o foco principal é a formação aperfeiçoada dos alunos do Univem que estarão desde o primeiro ano desenvolvendo projetos de iniciação científica.
Com o Compsi a universidade vai dar início a Educação à Distância para alunos de dependência ou de adaptação. Segundo destacou a pró-reitora do curso de Graduação do Univem, Raquel Cristina Ferraroni Sanches “o homem evolui na socialização do conhecimento e com o Compsi, mais do que a socialização o Univem constrói esse conhecimento”. Segundo ela a iniciativa é muito importante e está prevista no Plano de Desenvolvimento Institucional do Univem, documento que norteia as atividades acadêmicas, promovendo a interdisciplinaridade entre os cursos e a integração com a comunidade.
Conforme ressaltou o reitor Luis Carlos de Macedo Soares, com o Centro de Pesquisa e Tecnologia a universidade reforça sua preocupação em preparar seus alunos para o mercado de trabalho, com informação, conhecimento e prática.
Fonte: Jornal da Manhã

COMENTÁRIOS