O Programa de Mestrado em Direito do UNIVEM - Centro Universitário Eurípides de Marília, mantido pela FEESR – Fundação de Ensino Eurípides Soares da Rocha, foi aprovado pela CAPES em 29/06/2000, sob o nº 3111014001P-9, e último reconhecimento pela CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, pela Portaria MEC nº 656, de 22/05/2017.

Corpo docente altamente qualificado: todos os professores atuam no quadro permanente do Centro Universitário Eurípides de Marília - UNIVEM.

O curso de Mestrado tem duração mínima de 18 e máxima de 24 meses e as aulas são ministradas às sextas-feiras (período noturno) e aos sábados.

 

Objetivos do Programa

  • Estimular e desenvolver a investigação científica no campo do Direito, em especial em relação à constituição desse saber ao longo da história e sua concepção atual;
  • Aprimorar a formação e a qualificação de professores, pesquisadores, e outros profissionais, objetivando uma maior interação entre os agentes do Direito e a sociedade;
  • Capacitar professores para o exercício do magistério superior;
  • Contribuir, por meio do ensino, da pesquisa e da extensão, para o aprofundamento do conhecimento dos problemas nacionais, enfatizando aqueles de natureza regional;
  • Colaborar para a integração dos estudos jurídicos no processo de desenvolvimento social e econômico do país e, também, para a superação de problemas decorrentes das desigualdades sociais

 

Motivos para conseguir um diploma de mestrado

05/07/2014 - Um mestrado pode proporcionar a você benefícios intelectuais e, ao mesmo tempo, ajudar na sua carreira porque vai além do diploma de graduação. Porém, o mestrado nem sempre é a opção certa, por isso você deve medir os benefícios de ter um diploma de mestrado e decidir se esse é o caminho que você quer seguir.

Confira 5 motivos para conseguir um diploma de mestrado:

1. Se você quer ser um professor

Se você quer seguir a carreira de professor, um diploma de mestrado é essencial. A maioria das escolas pede mais do que o diploma de bacharelado, então você deve ser um mestre.

2. Se você quer trocar de área

Um diploma de mestrado pode ajudar você a trocar de área. Porém, se o mestrado não for relacionado com o seu diploma de graduação, você precisará fazer algumas aulas para se inteirar do assunto.

3. Se você quer ser um especialista

Se você quer se tornar um especialista em um determinado assunto ou área, o mestrado é a melhor escolha. Poucas coisas dizem "especialista" como um diploma que comprova que você é um mestre.

4. Se você quer se destacar

Se você quer se destacar na hora de conseguir um emprego, um diploma de mestrado faz com que você seja diferente dos outros candidatos.

5. Se você quer estudar com alguém

Os melhores professores dão os cursos de mestrado. Se você quer estudar com um determinado especialista da sua área, o mestrado é a melhor opção.

Fonte: Universia

[ Acesse a Revista Em Tempo do Univem ]

DOS COMPONENTES CURRICULARES E DOS CRÉDITOS

A integralização dos créditos necessários para a obtenção do título acadêmico de Mestre será expressa em unidades de crédito e contemplará: freqüência a disciplinas, atividades programadas e trabalhos relativos à elaboração da dissertação.

  • Cada unidade de crédito corresponde a 15 (quinze) horas de atividades.
  • Cada disciplina obrigatória corresponde a 3 (três) créditos.
  • A programação relativa ao Mestrado terá duração máxima de 24 (vinte e quatro) meses e no mínimo 50 (cinqüenta) créditos, totalizando 750 (setecentos e cinqüenta) horas/aula, assim distribuídos:
  1. frequência a disciplinas: 21 (vinte e um) créditos;
  2. atividades programadas:
    1. seminários de orientação: 10 (daz) créditos;
    2. seminários de pesquisa: 4 (quatro) créditos;
    3. atividades complementares: 5 (cinco) créditos;
  3. dissertação: 10 (dez) créditos.

 

A disciplina Metodologia e Didática do Ensino do Direito, bem como o Estágio de Prática Docente na Graduação, serão obrigatórios para os bolsistas CAPES e optativos para os demais alunos.

O Estágio de Prática Docente na graduação em Direito obedecerá a Regulamento específico.

 

As atividades programadas complementares incluirão:

  • participação em projetos e/ou grupos de pesquisa que fomentem a formação do mestrando como pesquisador, desde que cadastrados pelo CNPq ou outro órgão oficial;
  • apresentação de trabalhos em congressos e similares;
  • redação e publicação de textos para divulgação de pesquisas e estudos;
  • redação e publicação de artigos em revistas especializadas cadastradas;
  • traduções, desde que publicadas;
  • participação em grupos de pesquisa de programas de pós-graduação de outras Instituições, no Brasil e/ou no exterior.
  • O aluno deverá elaborar relatório semestral referente a essas atividades, com os devidos comprovantes, para apreciação de mérito pelo seu orientador e aprovação pelo Conselho do Programa.
  • O aluno terá 12 meses para concluir os créditos em disciplinas presenciais, sendo que duas obrigatórias necessariamente, no 1º semestre e duas no 1º semestre de ingresso no Curso.

 

Atividades Programadas (obrigatórias para as duas linhas de pesquisa)

  • Seminários de orientação;
  • Seminários de pesquisa;
  • Redação da dissertação.